quinta-feira, 27 de abril de 2017

Guardiões da Galáxia vol.2

Então eu acabei de sair do cinema pela segunda vez.
E pela segunda vez eu estou escrevendo uma resenha para esse magnífico filme.

Pronto. Entreguei. É magnífico, sim.


Ninguém dava nada pelo primeiro Guardiões da Galáxia. 
Ninguém conhecia os personagens, o grupo.
Com o sucesso estrondoso de Guardiões da Galáxia, todo mundo estava receoso com a continuação.
"James Gunn não conseguirá se reinventar para superar sua obra-prima, eles disseram!"

Eis que então James Gunn olhou para todos e falou: SEGUREM A MINHA CERVEJA!
Foi lá e mostrou como é que se faz uma continuação tão boa (ou melhor!!!) que o filme original!


Guardiões da Galáxia vol.2 tem duas horas e dezesseis minutos de comédia, drama, ação e toneladas de efeitos especiais meticulosamente arquitetados para te entregar um dos melhores filmes que a Marvel e a Disney já fizeram.

Sério, no meu top-3 particular, Guardiões da Galáxia vol.2 só perde para Guardiões da Galáxia e para Deadpool.

Não vá ao cinema esperando apenas um roteiro raso e uma sequência arrasadora de piadas ininterruptas. Não. O filme é muito mais do que isso.
Guardiões da Galáxia apresentou apenas superficialmente os personagens. Mesmo dando prioridade para o Star Lord, o primeiro filme não nos explica muito da sua origem, dos seus poderes, etc... Também pudera: são pelo menos 10 personagens E o grupo dos Guardiões da Galáxia que precisaram ser apresentados no primeiro filme.
Guardiões da Galáxia vol.2 aprofunda os personagens, suas histórias e as relações entre os personagens. O filme te explica motivações, mostra os dramas que cada personagem vive, mostra a redenção que os personagens encontram entre si e cria ganchos fantásticos para os próximos filmes.

Guardiões da Galáxia vol.2 é como uma montanha russa emocional: em um momento você está rindo de uma piada de peidos, daqui dois minutos você está emocionado ao descobrir o detalhe do relacionamento entre dois personagens.

E tem o Baby Groot.
Nossa, como tem o Baby Groot.
Tem Baby Groot pra caramba.
E eu queria mais Baby Groot!

"Ain Arthur, mas só fizeram o Baby Groot para vender bonecos!"


QUE BOM! EU QUERO TODOS OS BONECOS DO BABY GROOT!
Cada um deles.
Se você não quer, dá o seu boneco do Baby Groot pra mim!

Eu não preciso falar da trilha sonora, né? É marca registrada do James Gunn mesclar a trilha sonora com o roteiro do filme. Em Guardiões da Galáxia ele já havia feito isso primorosamente. E em Guardiões da Galáxia vol.2 ele não só se repetiu, como se superou mais uma vez. Dessa vez as músicas não tiveram apenas o apelo cômico, como no primeiro filme. As cenas mais emotivas foram embaladas por músicas selecionadas a dedo.

Ouso dizer que a mãe do Peter Quill é a melhor DJ da Galáxia!

A fotografia do filme seguiu a linha psicodélica que a Marvel parece estar querendo seguir. Começou com as viagens dimensionais de Thor: Mundo Sombrio. Evoluiu no mundo quântico em Homem Formiga. Em Doutor Estranho a psicodelia ditou o ritmo de mais da metade do filme. E em Guardiões da Galáxia vol.2 todas as cenas explodem a sua cabeça com cores e formatos únicos. (Tá, talvez as cenas nas naves espaciais não sejam tão psicodélicas, mas estão longe de ser a maioria no filme.)

Os efeitos especiais são surpreendentes. Aliás: usem mais CGI que tá pouco. Essa maravilhosa tecnologia nos ajuda a colocar todos os elementos necessários para contarmos histórias do melhor modo possível dentro da telona. Novamente usaram a técnica de rejuvenescer digitalmente atores. E a técnica está tão refinada e maravilhosa, que eu não vou me surpreender se daqui uns anos a utilizarem em um filme inteiro, não só em algumas poucas cenas.

Assista em 3D. 
(Eu nem sei se haverão sessões 2D. O filme todo é voltado para cenas 3D e ficou MARAVILHOSO. Mas de qualquer forma fica a dica: assista em 3D.)

E por fim, a história. O roteiro ficou ótimo. Leve, fácil de seguir. Se você parar para dissecar o roteiro, ele é até meio bobo. Mas a edição e a condução do filme é tão suave que as cenas se sucedem sem que você note. É entretenimento puro da mais alta qualidade.

Sim, são 5 cenas pós-créditos. Fique até o último segundo. Não perca nada, por favor. São 3 ganchos para próximas histórias, 1 gancho para desenvolvimento do relacionamento entre os personagens... e 1 piada excelente com o Stan Lee.

E ainda sobre os créditos, a Marvel inovou mais uma vez. Quando as letrinhas estão subindo, muitos nomes das pessoas aparecem substituídos por piadinhas do filme, como "I am Groot". Então, o nome "pisca" e aparece o nome e a função da pessoa real. Isso acontece várias vezes durante os créditos. E como as piadas são sensacionais, pela primeira vez na vida eu me peguei lendo vorazmente os créditos para encontrar essas piadas assim que elas aparecem.

Guardiões da Galáxia vol.2 é excelente. Vá assistir agora.



Bem. Como vocês já sabem, agora chegou a parte do texto que eu conto a história.


quarta-feira, 19 de abril de 2017

Liga da Justiça: Velho Oeste!

Linda arte de Denis Medri!
Você encontra mais do artista aqui -> https://denism79.deviantart.com/





domingo, 16 de abril de 2017

Pokemon: Elos perdidos!

Eu não achei o nome do artista... mas nesse tumbl -> http://inprogresspokemon.tumblr.com/ o autor cria os "elos perdidos" entre as evoluções dos pokemons!
É divertido porque em muitos casos a diferença entre as duas evoluções é realmente berrante!