quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Sobre as Pichações no Monumento Zumbi Dos Palmares

Em 2013 houveram manifestações pelo Brasil inteiro.
Até hoje muita gente não sabe quem iniciou essas manifestações. Eu, que tenho a péssima mania de saber com quem estou me metendo, fui procurar os primeiros atos, os primeiros grupos que se manifestaram.

E os primeiros grupos se formaram em volta do Movimento Catraca Livre. Acabei por descobrir que não passam de um bando de comunistas. Um bando que não sabe diferenciar "coletivo" de "público" e insistem que as linhas de ônibus urbanas deveriam ser gratuitas.

Para eles eu só peço que parem de estudar humanas e se concentrem um pouco na exatas. Em matemática. Só até entender o suficiente de economia para não falarem tanta bobagem assim em público. Aí eu começo a conversar com eles.

Mas eu sou meio tinhoso, sabe? Eu fui atrás dos líderes e passei a segui-los. Infelizmente esse pessoal tem poder de mobilização e é importante saber o que estão pensando. Pelo menos para prever as merdas que eles podem fazer.

Pois bem, uma das pessoas que eu segui foi a May Vivian

Reserve.

Na última semana, o monumento ao Zumbi dos Palmares foi pichado, no Rio de Janeiro.
Não foi só uma pichação boba, daquelas que - infelizmente - já estamos acostumados. Antes fossem aqueles rabiscos ininteligíveis e imbecis. Tão pouco foi um grafite autorizado, forma de arte que me agrada muito.

Na calada da noite alguém foi até o monumento para esse líder negro e pichou-lhe suásticas brancas no rosto.
Bem, Nazismo é algo horrível e Hitler só não é argumento negativo se alguém o utiliza em uma discussão contra você. Fora isso, todos sabemos que utilizamos a figura de Hitler como delimitador atual de ser humano negativo.

Embora eu ache que Hitler esteja entre as piores pessoas do mundo, considero que existam pessoas piores. Mesmo porque Hitler não fez nada do que fez sozinho. O Nazismo não foi criação exclusiva do Hitler, que tão pouco impôs sozinho a todos os alemães. 
Sempre existe o seguidor cego. O imbecil que acha que vai ganhar alguma coisa com "a causa" e coloca seus ganhos pessoais à frente dos interesses coletivos. Esse ser humano é mais desprezível para mim, do que qualquer outro.

Mas retornemos à May Vivian. Assim como todos nós, ela viu a notícia sobre a pichação. E, mesmo com a polícia dizendo que não sabia quem eram os pichadores, eis a opinião desta líder:


Amigo, o Movimento Catraca Livre é adepto de ideias populistas/comunistas (como se isso fosse possível...). Pelas postagens da moça, dá pra ver que ela se incomoda até com o PT. Se pudesse, baixava o comunismo no nosso país imediatamente.
E como toda boa extremista, ela não pensou duas vezes. Um monumento de um negro sendo pichado com símbolos nazistas? Na cabeça de um comunista a explicação é óbvia.

O.K.

Hoje pela manhã eu estava absorto no meu trabalho. Empresa privada, capitalista, a qual eu exploro dando só meu conhecimento e tempo em troca de muitos dinheiros. Dinheiros que, como eu sei poupar e investir, custeiam todos os meus sonhos. Sonhos que, conforme foram sendo realizados, me tiraram de uma situação de pobreza para uma vida bem confortável, até. Não é difícil, muita gente faz o mesmo. Basta se concentrar em estudos e trabalho que o resultado vem.

No meio dessa manhã um bom amigo me mandou o link dessa notícia: 

Mas que FALHA MISERÁVEL senhorita May Vivian, ein?

Bem. Acho que o texto acaba aqui. Tenha cuidado ao seguir extremistas. Ainda mais extremistas comunistas. Porque você sabe que só os políticos e burocratas se dão bem no comunismo, enquanto o povo se ferra com falta de produtos, estagnação tecnológica e toda falta de liberdades individuais.

O André escreveu um excelente texto a respeito da notícia:

Sobre o assunto de "coitadismo" que esses comunistas defendem, vou deixar alguns links de outros textos que eu já escrevi, aqui no blog:

Abaixo ao Coitadismo Politicamente Correto






Cuidado com as suas apostas. Principalmente quando o prêmio não valer a pena o investimento.