quinta-feira, 5 de março de 2015

Soneto de Fidelidade


"...Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure."



Eu não queimo. Sério.