terça-feira, 28 de abril de 2015

Baltimore

Então.

Há alguns meses um criminoso (negro) foi morto enquanto estava sob custódia da polícia de Baltimore. Isso gerou a primeira onda de manifestações. O crime foi investigado e os policiais envolvidos foram inocentados.

Agora, outro criminoso (negro) também foi morto enquanto estava sob custódia da polícia de Baltimore. Novamente, esse fato gerou uma série de manifestações pela cidade.

Jovens, em sua maioria, estão promovendo quebra-quebras, confrontos com a polícia e todo tipo de vandalismo que você possa imaginar.
E essa é uma situação que se retro-alimenta, porque a manifestação é contra a polícia. Mas quem responde a atos de vandalismo na cidade é... a própria polícia. Basta a polícia chegar que os manifestantes incendeiam e passam para o confronto.

Mas no meio de toda essa insanidade, é BONITO ver a quantidade de pessoas que PENSAM e AGEM para garantir O CERTO.

"A polícia precisa parar de nos tratar como criminosos violentos.
Oh! Veja! Uma oportunidade de ser um criminoso violento!"

Reporter: Você não está preocupado com sua segurança?
Cidadão: Eu fui sargento por 30 anos e isso não é relevante.

Cidadão: Eles precisam ir pra casa estudar... então eu estou muito puto!
Reporter: E você decidiu sair e enfrentar esses manifestantes?
Cidadão: SIM!

Cidadão: Eu amo meu país e eu amo minha cidade. Eu não sou negro, branco ou nada... eu sou um americano!

 Um comerciante na frente do seu mercadinho, pronto para defender a sua propriedade dos manifestantes saqueadores.

 Esse é um grupo de senhores que saem, todos os dias, para entrarem no meio das manifestações e tentarem dispersar os arruaceiros.

 Um manifestante BABACA, cortando a mangueira que os bombeiros estavam usando para apagar um incêndio gerado pelos arruaceiros.

Uma mãe que foi no meio da baderna TIRAR O FILHO A TAPA da manifestação.
Melhor mãe!