quinta-feira, 23 de abril de 2015

Os Vingadores 2: A Era de Ultron!

Acabei de sair da sessão de pré-estréia de Os Vingadores: A Era de Ultron e vou te dizer: grande filme.

Sim, só "grande". Não é "espetacular", não é "fantástico", não é o melhor filme já feito pela Marvel/Disney. Mas é um grande filme, sim.

Senti falta de conexões, sabe? No primeiro arco de filmes da Marvel, os 5 filmes contaram a origem dos heróis... mas também apresentaram o vilão. A própria trama da primeira fase foi concluída com o primeiro filme d'Os Vingadores.
Na Era de Ultron as histórias dos filmes da segunda fase foram...aparentemente desnecessárias.
O segundo filme do Thor você pode desconsiderar totalmente. Não há nenhum aspecto daquele filme que seja útil na trama da Era de Ultron. Talvez a Joia do Infinito apresentada no Reino Sombrio vá fazer algum sentido em próximos filmes.
O terceiro filme do Homem de Ferro? Pfff... Talvez sirva para mostrar a evolução do Jarvis. Mas é só. E vamos combinar: não precisava ter feito um filme inteiro só para mostrar que o Stark conseguiu criar um programa de computador realmente fascinante.
O segundo filme do Capitão América até tem alguns traços da Era de Ultron. Afinal de contas, a queda da S.H.I.E.L.D. e a ascensão da HIDRA são fundamentais... por uns 15 minutos na Era de Ultron.
Guardiões da Galáxia? Apresentou uma Joia do Infinito. Só. O resto todo é só comédia e boa música(?).

Acho que o terceiro filme do Homem de Ferro teria ficado melhor se tivesse sido lançado por último. Mostrando a evolução da preocupação do Stark com a segurança do mundo, depois da invasão mostrada no Mundo Sombrio e da queda da S.H.I.E.L.D., no Soldado Invernal.

Os Vingadores: a Era de Ultron é predominantemente piadas e brigas de super-heróis.
O filme é MUITO ENGRAÇADO MESMO. Melhor do que Guardiões da Galáxia, nesse quesito. Dá pra rir MUITO nesse filme. Melhor do que qualquer comédia que tenha sido lançada nos últimos anos. A cena com o Stan Lee é de rolar no chão rindo. Sério. Não beba muito antes do filme, para não molhar as calças.
Os efeitos especiais estão surpreendentes. Mesmo. Nenhum deles foi utilizado de modo que você possa esboçar um "Nossa! Que exagero!". É um filme que enche os olhos.

O Mercúrio ficou muito bom. Mas não chega aos pés do Mercúrio dos X-Man. Provavelmente a cena da cozinha assombrou os produtores da Era de Ultron. Continuo achando que a MARVEL não sabe explorar seu velocista. 

Pena que um bom filme não seja feito apenas de boas piadas e bons efeitos especiais. O roteiro é fraco. O vilão deste filme é apenas a continuação e evolução do que não ficou resolvido no primeiro Vingadores. O dilema do filme não tem tanto apelo. O roteiro depende demais da fragilidade de Banner... O que, convenhamos, é meio ridículo. Um cientista brilhante com o monstro mais poderoso do mundo dentro dele, se deixando convencer por qualquer jogo de palavras... 

Acredito que a Era de Ultron apenas está preparando o grupo para uma terceira fase. E espero que essa terceira fase valha a pena toda essa preparação. Na Era de Ultron já vemos a rixa entre o Capitão América e o Homem de Ferro muito pronunciada. Vemos a equipe antiga se dissolvendo e uma nova formação surgindo.

Agora só o tempo dirá se os filmes da terceira fase, com novos heróis, darão continuidade ao excelente padrão que se formou na primeira fase e se encerrou somente agora, no final da segunda fase.


Daqui em diante, contarei o filme. Se não quiser ser coberto com as minhas impressões cheias de spoilers do filme, NÃO LEIA A PARTIR DAQUI!




O filme começa a 300Km/h. A equipe que conhecemos está atacando uma base da HIDRA, atrás do cetro que Loki usou no primeiro filme d'Os Vingadores.
O Capitão América dando ordens, Thor e Hulk botando pra quebrar, Homem de Ferro sempre voando solitário, Gavião Arqueiro e Viúva Negra fazendo o que podem para ajudar o grupo...


O grupo invade a base da HIDRA, captura o vilão Barão Von Strucker e encontra pela primeira vez Pietro e Wanda.

Ponto negativo: Tanto Pietro (Mercúrio) quanto Wanda (Feiticeira Escarlate) são chamados diversas vezes de "alterados", nunca de "mutantes". Tão pouco "Mercúrio" e "Feiticeira Escarlate" são utilizados. Malditas guerras judiciais por direitos de uso de nomes e personagens em filmes.

Mercúrio já mostra o seu poder enfrentando o Gavião Arqueiro e o Capitão América. Mas a Feiticeira Escarlate é que realmente aparece ao manipular os medos do Stark. Em 2 minutos de filme, o Homem de Ferro já está apavorado com a fragilidade das defesas da Terra contra invasões globais.

O grupo consegue recuperar o cetro. Legal ver a Natasha acalmando o Hulk, ajudando Banner a retomar o controle. Mas... de onde isso saiu?
Uma festa é planejada para marcar o final dessa ameaça.
Stark e Banner pedem para Thor que os deixe analisar o cetro, antes de Thor o levar para um lugar seguro. Thor consente.
Em seu laboratório, usando todos os seus brinquedos ultra-tecnológicos (inclusive Jarvis) e com a companhia de Banner, Stark descobre que o cetro contém uma inteligencia artificial. Com um jogo de palavras bobo, Stark convence Banner a tentarem decodificar e utilizar essa inteligencia artificial para iniciar o projeto ULTRON.

A ideia do Projeto Ultron é simples. Apesar de Jarvis ser um excelente programa, ele não é inteligente. Stark quer uma inteligencia artificial capaz de operar as suas armaduras e, assim, manter o mundo seguro.

Na festa, menção para o romance da Natasha com o Banner, que se pronuncia (de onde veio isso???) e da aparição do Stan Lee, jurando que aguenta um gole de uma bebida asgardiana "envelhecida por mil anos"!

Claro que a inteligencia artificial contida no cetro não foi decodificada corretamente. Claro que ela destruiu Jarvis. Claro que ela não entendeu as suas diretrizes básicas. Claro que ela dominou as armaduras do Stark. Evidente que ela se espalhou pela internet.

Claro que essa inteligencia artificial se transformou em Ultron. A clássica inteligencia artificial que acha a vida caótica e violenta demais e, para atingir a paz, somente matando a todos. A começar, claro, pelos Vingadores, porque esses os seres mais poderosos e, por isso, os mais perigosos de todo o planeta.
Mas Ultron não é um personagem tão monocromático, assim. Ele logo revela uma raiva pelos heróis. Uma loucura que escala rapidamente. Uma necessidade de "evoluir", nem que pra isso tenha que matar a todos.

Ultron é mau desde o primeiro momento que aparece no filme. Nós não nos engamos pensando que ele tem ideais nobres mal compreendidos por nenhum instante.


Um recém-formado Ultron se apossa de algumas armaduras do Homem de Ferro e um pequeno confronto acontece na Torre dos Vingadores. Ultron apanha e foge dos heróis. Mas foge com o cetro.

De volta à mesma base da HIDRA em que o cetro foi recuperado (ei MARVEL, eu vi o que você fez aqui! Reaproveitando cenário, einhô?), Ultron se associa à Wanda e Pietro, que contam sua origem (sem flashBack!!!) e toda a sua raiva com o Stark.


Os Vingadores pensam aonde Ultron estaria... O Capitão América tem o insight perfeito em querer encontrar o inimigo antes que ele se torne poderoso demais.
Sei lá eu como eles pensam que Ultron vai querer ir atrás de Vibranium (o mesmo metal do escudo do Capitão América, o metal mais resistente desse universo da Marvel, já que eles não podem usar o Adamantium, cujos direitos estão presos aos X-Man na Fox...). Menção honrosa a Wakanda! Por um momento eu pensei que o Pantera Negra fosse aparecer... Ledo engano...


Ultron ataca uns mercenários/piratas em busca do Vibranium. Os Vingadores aparecem e a batalha recomeça. Mas, dessa vez, Ultron tinha Pietro para ajudar no confronto... E Wanda, para trazer os pensamentos mais sombrios de cada membro à tona. Legal ver que o Gavião Arqueiro está prevenido (para não dizer traumatizado) em ser controlado mentalmente... hehe. Ele e o Homem de Ferro são os únicos que não são dominados. Isso porque o Homem de Ferro tirou o Ultron do local da batalha. Uns flashbacks muito sombrios e mal explicados aparecem, das mentes de Natasha, Thor e do Capitão América. 

No fim, Wanda vai atrás do Hulk. Nenhum flashBack do verdão. Mas ele fica mais incontrolável do que nunca. Mais incontrolável do que nunca e indo na direção de uma cidade! Aparentemente no Brasil! Caramba, eles estavam na África agora mesmo... Enfim, o Homem de Ferro é o único que sobrou para combater o Hulk descontrolado (ele podia ter ficado marrom, não?). O Homem de Ferro chama pela Veronika(!!!) e um satélite desprende uma "caixa voadora". Como esse satélite estava sobre o lugar no mundo que o Homem de Ferro precisava dele, isso ainda eu não sei. Se bem que algumas órbitas duram poucas dezenas de minutos... O tempo da viagem da África até o Brasil...


A briga entre o Hulk e o Homem de Ferro usando a Hulk Buster é... EXCELENTE. Excelente e... desnecessária para o roteiro. Se não é de todo desnecessária, certamente é desnecessariamente longa. Demora, mas o Homem de Ferro consegue botar o verdão nocaute.


Os heróis estão derrotados, surrados e à mercê de Ultron, que tem controle total de tecnologia, via internet. Não fosse a raivinha boba do Ultron, ele seria a Skynet.
Qual a solução para fugir de Ultron? Ir para a casa do Gavião Arqueiro! Sim! Hank é casado, tem dois filhos e sua esposa está esperando o terceiro. Eles vivem em uma bela fazendinha. Que momento mais lindo e comovente!

Thor se diz assombrado pelas visões que Wanda implantou na sua mente. Ele precisa resolvê-las. (Depois, no filme, ele encontra o professor que o ajuda em seus filmes, vão para uma caverna viajona e ele mergulha em uma água nada a ver, para ter mais visões. Essa parte eu chamo de "roteiristas chapados que não sabem o que escrever para tirar o Thor de cena e colocam qualquer merda no filme". Pra quê a ajuda do professor? Pra que essa água? WTF o quê o Thor descobriu lá que não conta pra gente???)


Na casa de Hank, Natahsa e Banner continuam seu romance QUE ATÉ AGORA EU NÃO SEI COMO COMEÇOU! A Natasha não estava dando em cima do Rogers no Soldado Invernal? PQP!!!
Engraçado ver como até a esposa do Hank subestima a capacidade do marido, ao compará-lo com o resto do grupo... E como a opinião da esposa do Hank sobre o grupo em si é a opinião da população como um todo. Uma opinião de desconfiança, como se os maiores heróis da Terra não passassem segurança às pessoas.
E o melhor dessa passagem é ver o conflito entre Rogers e Stark. As duas visões de mundo, a briga iniciando entre os dois, naquela cena em que os dois racham lenha. Quando a briga dos dois está quase indo para as vias de fato, a esposa de Hank pede para Stark que ele conserte o trator da fazenda.

Mas que tiradinha mais idiota para colocar o Nick Fury em cena! Caramba, na cena seguinte Nick está dentro da casa, conversando com todo mundo. Precisava MESMO fazer todo esse teatrinho?
Enfim, Nick põe às claras que Os Vingadores precisam deter Ultron, porque ele não vai parar até destruir o mundo. Sei lá como, Nick sabe que Ultron está tentando acessar os códigos das armas nucleares, "mas alguém" está fazendo o favor de mudar os códigos incessantemente, para impedir o vilão de utilizá-los...

O vilão, então, passou a se preocupar com sua evolução. Ele ameaça e controla mentalmente a mente de uma assistente médica do Stark. Ultron obriga a doutora a criar um corpo melhorado, híbrido entre humano e metal Vibranium. CLARO que o metal reage positivamente ao metal, criando um corpo androide perfeito. CLARO que dentro do cetro tinha mais uma Joia do Infinito que serviria de receptáculo para a consciência de Ultron. E é claro que a mente de Ultron poderia ser instalada sem maiores problemas.

Novamente, o grupo subentende onde Ultron está. Enquanto o Homem de Ferro tenta descobrir a identidade da pessoa que está ajudando o mundo defendendo as armas nucleares de Ultron, os demais atacam diretamente o vilão.
Quando Ultron começa a fazer o download da sua mente no androide, Wanda consegue ler a sua mente. E Wanda nota o plano de aniquilação da humanidade de Ultron. Ultron, então, pega a unidade de contenção aonde está o corpo do androide, coloca em um caminhão e sai pela cidade. Capitão América, Natasha e Gavião Arqueiro atacam Ultron e o caminhão. Com a ajuda de Pietro e Wanda e às custas da captura de Natasha, os heróis conseguem recuperar o corpo do androide e a Joia do Infinito.


O androide nas mãos de Stark e Banner. Vão destruir o androide? Manter ele confinado? NÃO!

Milagrosamente, Stark conseguiu encontrar e trazer Jarvis de volta. Quando? Eu sei lá! O filme não conta.
Stark novamente faz um joguinho de palavras infantil e convence Banner que os dois devem colocar Jarvis na mente do androide.
O Capitão América, Pietro e Wanda aparecem, dispostos a impedir Stark e Banner a prosseguirem com sua ideia. Pietro usando sua velocidade desconecta todos os cabos, interrompendo o download de Jarvis no android.

Então, do nada, os roteiristas decidem que é hora do Thor voltar pro filme. O deus asgardiano pula sobre a unidade de contensão, dispara um raio, energiza sei-lá-eu-o-que e, de modo mágico, Jarvis é instalado no androide.

Da unidade de contensão emerge... Visão!


É amigo? É inimigo? Vão brigar? Não! Ultron está mais forte do que nunca! Eles precisam encontrar e atacar Ultron!
Como eles encontram Ultron? Natasha é aprisionada pelo vilão... NA FORTALEZA AONDE A HIDRA ESTAVA NO INÍCIO DO FILME! Caramba, Marvel? A crise tá mals, einhô? Usando três vezes a mesma locação? Poxa, eu não fui ver o Homem de Ferro 3... Mas fui no Thor 2, Capitão 2 e só nos Guardiões eu fui 3 vezes ao cinema... Comprei até os DVD's! Vocês estão precisando de mais dinheiro? É isso?


Com peças de sucata de um dos corpos do Ultron, Natasha faz um rádio/telégrafo. Lá na Europa. Nos EUA, o Gavião Arqueiro encontra o sinal. O Capitão manda: "3 minutos, peguem tudo o que vocês precisarem". Eu teria mandado o Capitão para aquele lugar, nessa hora. Facinho.

Os heróis chegam - novamente - na cidade da primeira base. Um grupo tenta evacuar a população, enquanto outro grupo vai direto para a fortaleza.
No meio da evacuação, um enxame de robôs-Ultron ataca a cidade, os heróis e as pessoas.
Thor e Visão atacam Ultron. Visão desconecta Ultron da internet. O inimigo agora é local. =P

O plano de Ultron se revela: O vilão instalou um sistema de propulsores viajões de Vibranium (em tempo recorde!) sobe metade da cidade. Um giro em um equipamento, meia cidade é lentamente erguida. Muitas pessoas presas nesse pedaço da cidade que está sendo arremessado para o espaço. Muitos robôs para combater.

Wanda recebe uma aula de heroísmo e auto-confiança do Gavião Arqueiro. Thor e Visão botando pra quebrar. Hulk, Natasha e Pietro detonando. O Homem de Ferro tentando descobrir como fazer para descer a cidade sem esmagar os que ficaram lá em baixo.

O fraco dilema do filme: Se os heróis não intervirem, Ultron atingirá a superfície com essa montanha que está levando para o espaço. Isso será pior do que o meteoro que matou os dinossauros. Se os heróis simplesmente derrubarem, as pessoas que estão na parte da cidade erguida morrerão. E se demorarem muito, as que estão no chão também morrerão. Umas cem pessoas na parte da cidade que está sendo erguida, umas duas mil que estão no chão, ou o mundo todo?
É, eu não pensaria duas vezes. Mas os heróis pensaram e decidiram que ninguém morreria naquele dia...

Quando a altura é preocupante e os heróis não sabem como evacuar a cidade, Nick Fury aparece no seu porta-aviões voador. WHAT A FUCK????? De onde isso surgiu?
"Aviões salva-vidas" que NUNCA foram citados em lugar nenhum aparecem do porta-aviões para salvar as pessoas. Enquanto isso, os robôs estão sendo destruídos pelos heróis. Tudo parece se encaminhar bem. Os heróis, em um último esforço, ficam em volta do dispositivo que está erguendo a cidade, para impedir que qualquer robô reverta os propulsores e jogue a cidade contra a Terra. Ultron aparece com um exército de robôs que até agora eu quero saber de onde vieram.


Cena de porrada total. PENA que a Marvel não sabe do poder de Pietro. Ele sozinho daria conta de todos os robôs que estavam tentando chegar no dispositivo.

Até o Patriota aparece, escoltando o porta aviões de Fury e impedindo alguns robôs de fugirem!

A batalha termina com Thor, Visão e Homem de Ferro atirando seus trovões e lasers no Ultron principal. Quando o robô parece se entregar, Hulk chega para mandar o corpo do robô para longe.

Wanda fica perto do dispositivo para cobrir a saída dos demais. Todos estão ajudando os últimos cidadãos a evacuarem a cidade.
Então Ultron aparece pilotando um dos jatos dos Vingadores. E sai atirando em todo mundo. Gavião Arqueiro, e um menino que ele estava resgatando, estão na mira... Então Pietro chega para salvar os dois... mas é alvejado por tiros.
Como assim o homem mais rápido do universo Marvel é acertado por tiros que ele sabe de onde vêm???

Hulk entra no jato e arremessa Ultron para fora. Ultron cai perto de Wanda, que está insana pela morte do seu irmão. Wanda termina de matar Ultron.
Porém, nisso, um dos robôs de Ultron alcança o dispositivo e reverte os propulsores. A cidade está sendo arremessada contra o chão. Os últimos "aviões salva-vidas" saem da rocha. Agora o Homem de Ferro dispara um laser por baixo do dispositivo... Enquanto o Thor bate por cima. Tudo explode. Todos se salvam.


Pietro parece que morreu, mesmo.
Hulk ficou no jato e voou até que o avião se perdesse no radar.A tecnologia do Stark impediu que o jato fosse localizado.
Thor voltou pra casa.
Hank parece que voltou pra casa, para deixar Os Vingadores.
Aparentemente, Stark também deixou o grupo.

Agora, a S.H.I.E.L.D. voltou.
Capitão América, Natasha, Visão, Wanda, Patriota e Falcão parecem ser o próximo grupo.

Na primeira cena pós-créditos, Thanos coloca a manopla do destino e diz que, agora, ele terá que fazer as coisas sozinho!

Na segunda...



Eu esperava mais do filme. Mesmo.
Mas, ao que parece, esse Vingadores não fechou uma etapa mas, sim, abriu outra. Temos a Guerra Civil se pronunciando. Rogers X Stark. Temos o interesse de Thanos aumentando. Ele terá que vir até a Terra e - literalmente - matar Visão para conseguir o poder absoluto que tanto almeja.


Eu gostei. Não tanto quanto outros filmes da Marvel, mas foi um filme muito bom.