domingo, 12 de agosto de 2012

Um Negro Anti-Coitadismo.

Primeiramente: O entrevistado (Walter Williams) é um poço de inteligência, conhecimento, cultura e exemplos de vida. Se bem preparado, qualquer entrevistador poderia fazer a matéria de sua vida em quinze minutos de entrevista com o Dr. Williams.
Porém, o entrevistador (Luis Fernando Silva Pinto) sequer estava com todas as informações corretas, sobre o entrevistado. Pior que isso: demonstrou um inglês tão ruim que EU teria conversado melhor com o Walter, com certeza.
Assim, ficou um bate-bola entre um entrevistador do tipo "ãhnnnn" com um entrevistado que deveria estar se perguntando: "Será que esse cara está me entendendo?"

Mas, mesmo assim, vale a pena ver as explicações de Walter Williams sobre como o protecionismo atrapalha. Como leis que deveriam "proteger" e "unir" as pessoas, só separam mais ainda a todos.

Por fim, a ideia de que o que falta para as pessoas não são cotas mas, sim, oportunidades, é fantástico.
Um exemplo eu tenho que frisar, aqui:
Quando falava sobre as dificuldades em estudar, Walter comparou a sua infância pobre, com um aluno branco da classe média:
"Enquanto o aluno de classe média demorava uma hora para fazer o dever de casa, eu demorava cinco. Mas os trabalhos estão feitos, e isso é o que importa!"

Vídeo excelente. Serão vinte e cinco minutos que vocês ganharão na suas vidas.